fbpx

Advogado Online em Foco

unnamed

AUMENTE AS CHANCES DE FECHAR
NEGÓCIO LOGO NA PRIMEIRA CONSULTA

[MODELO GRATUITO] FICHA DE ATENDIMENTO
P/ CAUSAS PREVIDENCIÁRIAS

Advogado! Você pode estar perdendo Honorários…

Você já foi procurado para fazer um processo de inventário, seja de um familiar, amigo ou cliente, e recusou alegando não atuar nessa área? Preferiu repassar para um colega?
Você sabia que com o advento das vias extrajudiciais, você pode em menos de 15 dias concluir um processo de inventário com ganhos que podem chegar até 8% do valor dos bens (monte-mor)?
Hoje vim falar de uma oportunidade de mercado que pode estar passando pela sua frente e você não está aproveitando.

O Novo CPC prestigiou os procedimentos extrajudiciais como o divórcio, arbitragem e mediação e não menos importante, o inventário.

Esse é o futuro das soluções de conflito: as vias extrajudicias.

O prof. Tiago já fez vários inventários principalmente os extrajudiciais quando não há incapaz e os herdeiros estão de comum acordo com a disposição dos bens.

Ainda temos a possibilidade do inventário judicial que, se você atuar em prol de todos os envolvidos, em poucos meses haverá a partilha de bens.

Agora nada se compara ao inventário extrajudicial ou arrolamento sumário como muitos conhecem, porque o procedimento é feito perante o cartório de forma rápida, simples e descomplicada.

Tudo o que o advogado quer. Solução rápida do seu trabalho e dinheiro no bolso.

Quer mais um motivo para ficar atento a esse mercado?

Pelo menos no estado de São Paulo os honorários para esse tipo de procedimento, seja judicial ou extrajudicial, gira em torno de 6% a 8% sobre o valor dos bens do falecido (monte-mor).

Imagina pegar um inventário cujos bens somam o valor de R$ 500 mil, R$ 600 mil, mais de 1 milhão?

Lógico que em alguns casos não é fácil cobrar a tabela da OAB, mas mesmo assim é a chance de faturar alto e em muito pouco tempo.

Isso vale tanto para o inventário judicial e extrajudicial.

Já vi diversos colegas recusando pegar processos de inventário por parecer difícil, complexo e demorado para receber, mas não é bem assim.

Primeiro você vai cobrar pelo menos 50% do valor dos honorários para abrir o inventário seja juducial ou extrajudicial. 

Se for extrajudicial, basta uma petição endereçada ao cartório, com as informações do de cujus, dos herdeiros, dos bens e a forma de partilha.

Separa as certidões necessárias dos bens e dos herdeiros, encaminha com a petição e aguarda o tabelião agendar a assinatura.

O prof. Tiago nos falou que já fez um inventário extrajudicial em UMA SEMANA. Dinheiro no bolso o mais rápido do que fazer a própria petição.

Se você está começando agora e PRECISA lucrar para manter sua advocacia, esse é o mercado que você pode explorar, as ações de inventário judicial ou procedimentos extrajudiciais.
“Mas, onde eu vou aprender sucessões e o procedimento?˜

O prof. Tiago preparou um curso rápido passo a passo do inventário judicial e extrajudicial ensinando:

– Atendimento a esse tipo de cliente
– Quais documentos exigir do cliente
– Como cobrar os honorários
– Como divulgar os meus serviços
– Como iniciar o inventário judicial e extrajudicial
– Quais petições usar durante o processo judicial
– Como declarar o ITCMD

Enfim.. Ele pegou um pouco da sua experiência em inventários e preparou um curso rápido com um Kit de petições (13 modelos) que você vai usar durante todo o processo, até extrajudicial.

Quer conhecer esse curso?
👇👇👇👇
[Clique aqui para saber mais]

Aproveite esse mercado e você vai poder faturar alto…
Publicado por Prof. Tiago Pereira

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Pin It on Pinterest