Falsa democracia e a criminalização do advogado criminal.

A Portaria Número 4 da Diretoria do Sistema Penitenciário Federal é um absurdo! Inconstitucional toda!
Ora, diz o artigo 2º da referida portaria que

Art. 2º O preso poderá ser atendido uma vez por semana, apenas por 01 (um) advogado constituído, em dia e horário de expediente administrativo, unicamente em parlatório, às segundas, terças ou sextas­- feiras, mediante prévio agendamento no setor competente e terá duração máxima de 1 (uma) hora.

Como assim uma vez por semana e com duração máxima de 1 (uma) hora? Onde já se viu isto? Isto é deixar, de forma sutil, o preso incomunicável. E a Constituição Federal veda a incomunicabilidade – art. 136, § 3º, inc. V.
Além disso, em razão da ampla defesa e das prerrogativas do advogado, preso algum pode ficar sem o contato com seu advogado e advogado nenhum pode ter o tempo com o seu cliente limitado. Está no Estatuto da OAB:

“Art. 7º – São direitos do advogado:
(…)
III – comunicar-se com seus clientes, pessoal e reservadamente, mesmo sem procuração, quando estes se acharem presos, detidos ou recolhidos em estabelecimentos civis ou militares, ainda que considerados incomunicáveis.”

É importante destacar o “mesmo sem procuração”, porque a portaria, ainda o art. 2º, desta feita no § 3º, diz:

Para atendimento ao preso, o advogado deverá estar constituído por procuração que contenha a indicação do processo de atuação. O advogado deverá comprovar no prazo de 30 (trinta) dias ou na entrevista seguinte a sua efetiva atuação no processo indicado na procuração.

Ofensa direta a lei federal aí! Enfiaram uma faca no art. 7º do Estatuto da OAB. O advogado deve se comunicar com o cliente preso mesmo sem procuração!
Outra coisa me assusta – § 1º do artigo 8º da referida portaria:

Os advogados estão proibidos de transmitir informações que não têm relação direta com o “interesse jurídico processual do preso” de forma verbal, escrita ou por qualquer forma não audível, “inclusive mímica”.

Como é que eles sabem se as informações têm relação direta com “o interesse jurídico processual do preso”? É o que eu estou pensando mesmo ou estou enganado? Porque se for o que eu estou pensando estão grampeando as conversas dos advogados com o cliente, quebrando o direito ao sigilo entre eles.
Já dizia Luiz Flavio Borges D´urso,

nenhum cliente iria expor seus problemas a um advogado se não houvesse a garantia dessa confidencialidade. O sigilo, portanto, existe para proteger o cidadão, não o profissional do direito; não fosse assim o fiel não confessaria ao padre seus pecados; o paciente, seus problemas ao médico; e as fontes não passariam ao Jornalista suas informações e denúncias.

O sigilo entre advogado e cliente é imprescindível para a democracia. Qual o sentido da Constituição Federal falar que o advogado é indispensável à administração da justiça, sendo inviolável por seus atos e manifestações no exercício da profissão (artigo 133), e que aos acusados é assegurada a ampla defesa (artigo 5º, LV) se advogado e acusado não podem manter uma conversa confidencial?
Dizem que esta medida é para impedir que advogados criminosos ajudem os clientes criminosos…, mas dizer isto é um absurdo, pois faz parte do processo de criminalização da advocacia criminal – assunto que já tratei aqui – e que não passa de um discurso que mancha nossa já frágil democracia.
Ora, eu sei que existe o advogado criminoso, mas existe o advogado criminal. O seu advogado numa causa trabalhista, de consumidor, cível, previdenciário etc., que não repassa pra você o valor que você deve merecer é advogado criminoso – Apropriação Indébita, Art. 168 do Código Penal – mas, o advogado que defende um acusado de cometer crime é advogado criminal e, como todo profissional, merece respeito!
Esta portaria é um retrocesso! E a gente anda retrocedendo tanto que em breve volta a vigorar o a Deo rex, a rege lex.
Fonte: JusBrasil
Publicado por Wagner Francesco

ATENÇÃO ADVOGADO: Conheça esse acervo de Petições para Advocacia Criminal.

Completo e atualizado para o NCPC.

Obtenha acesso ao acervo com 544 Modelos.

1309462285604615558orange arrow down-md

2132028_orig2

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.