Preciso contratar um advogado para pedir meu benefício ao INSS.

Tempo de leitura: 1 minuto

Sempre que alguém me faz esta pergunta, a minha resposta é: NÃO. Porém, o não vai acompanhado de uma indagação: O senhor (a) conhece as Leis Previdenciárias? Sabe quais são os seus direitos e o que é preciso fazer para conseguir seu benefício ou aposentadoria?

Se a resposta for SIM, realmente não precisa de advogado. Mas, se a resposta for NÃO, eu afirmo que com a assessoria de um advogado especialista em direito previdenciário a pessoa não será lesada em seus direitos.

De acordo com o Sindicato Nacional dos Aposentados, de cada 10 benefícios concedidos pelo INSS, 8 estão com valores errados, ou por erro de cálculo, ou por erro na concessão do benefício, pois o segurado tem direito a escolher o benefício mais vantajoso quando ele tem mais de uma opção para se aposentar.

É por isso que o INSS divulga na mídia que o segurado não precisa de advogado para requerer seu benefício, pois desta forma se ele calcula o benefício com valores menores, irá economizar dinheiro em detrimento do sofrimento dos aposentados/pensionistas que receberão valores menores do que aquele que lhe é de direito.

Em outras situações, o benefício é negado alegando falta de tempo de contribuição, mas na verdade o INSS deixou de computar algum período trabalhado e simplesmente nega o benefício. Desta forma, a pessoa continua trabalhando mais tempo e contribuindo além do que é necessário para obter sua aposentadoria.

Por este motivo que sempre falo que o segurado não precisa de advogado para requerer seus benefícios, mas ter um advogado quase sempre lhe assegurará melhores benefícios.

Publicado por MariaInes Sousa

Fonte JusBrasil